Quem sou eu

Minha foto
Petrópolis, RJ, Brazil
Danny Reis, cantora, revisora e tradutora. Apaixonada por artes, idiomas e comportamento.

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Inteligência e poder

Adoro pessoas inteligentes e cultas! Admiro-as e gosto de estar rodeada por elas, de conversar, trocar, enfim: aprender.

Em compensação, existe uma categoria de “pessoas cultas e inteligentes” de quem eu sinceramente prefiro distância. Estou falando daqueles seres que usam sua inteligência e conhecimento para demonstrar poder.

Poder, aliás, é algo que costuma mostrar o caráter de alguém. Sim, porque basta dar poder a alguns (qualquer poder; seja grande, como a presidência de uma companhia, seja pequeno, como a responsabilidade de abrir e fechar portas, por exemplo) para que suas máscaras caiam. Felizmente, isto não acontece com todos.

Acontece que tanto a inteligência quanto o conhecimento são muito bons quando podem ser compartilhados. Se não podem, de que servem? Creio que a resposta para essa pergunta ficou fácil.

Além do mais, qualquer poder, quando mal usado, pode ser um objeto de dominação ou, no mínimo, de demonstração de superioridade. E a inteligência não está livre disso.

2 comentários:

  1. Sábias palavras, Danny! Os inteligentes dividem, os "inteligentes" guardam pra si. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Érico!
      Muito obrigada!
      É isso mesmo: pra que tanta inteligência se você não a usa para ajudar?
      Um beijão,
      Danny.

      Excluir

Revise também!